16 de jun de 2011

Cebola Piquée


Conheci a cebola piquée em um livro de receitas que indicava seu uso no preparo de uma dobradinha. 
Nunca preparei a dobradinha, mas fiquei curiosa pelo resultado que a combinação cebola+cravo+louro provocaria.
A única informação que o livro trazia era que se tratava de uma técnica francesa, mas vamo combinar que pelo nome, era meio óbvio né. Então resolvi que ia usá-la em um caldo de legumes, que mais tarde ia cozinhar lentamente um risoto.
Pra começo de conversa, quase que eu começo a tomar o caldo ali na hora que começou a borbulhar, já que um cheiro simplesmente embriagante começou a invadir a casa inteira. Mas me controlei e fui até o fim no preparo do risoto, e o resultado foi surpreendente. O cravo conferiu um sabor um tanto exótico, mas suave,  sem brigar com os demais temperos. Totalmente harmonizado, perfeito. O louro é aquele cheiro maravilhoso que todo mundo já conhece e a cebola dispensa comentários. Os três juntos proporcionam "aquele" upgrade na receita, apesar de serem ingredientes tão básicos e sempre tão presentes na nossa cozinha. Para usar em uma sopa, caldo de carne ou galinha, molhos... super recomendo, estou pensando até em testar no feijão, e o preparo é muito simples:
  • Faça um corte na cebola
  • Introduza uma folha de louro no corte
  • Espete alguns cravinhos (a recomendação é que se use 3, na foto tem 4 por que eu sou exagerada) ao redor da cebola

Você pode usar também só metade da cebola se a quantidade de caldo for pequena (tipo 500ml).

Nesse link você encontra outras possibilidades de prepará-la. Não sei vocês, mas eu viciei nesse negócio =)

7 comentários:

  1. O que uma professora (de culinária) me disse é que o cravo (além do perfume/sabor) ajuda a tirar a acidez da cebola, por isso costuma-se espetá-lo na cebola durante o preparo de caldos.

    ResponderExcluir
  2. Muito legal isso da cebola piquée! Chiquérrima !!rs Não sabia nem que existia essa combinação, mas adorei e vou experimentar!! :) Beijos Tereza

    ResponderExcluir
  3. Lu, adorei saber!!! Comentários de profissionais são sempre muito bem vindos =))))

    Tereza: só faço caldo com ela agora, amei <3

    ResponderExcluir
  4. Olá Juliana td bem? Amor a primeira vista existe sim! É minha primeira vez no seu blog e já estou apaixonada rsrsrs. Parabéns pelo ótimo trabalho!
    Confesso q ñ é sempre q vou para cozinha... mas qdo vou, vou com gosto! É muito bom cozinhar!
    Amo temperos... e essa cebola me chamou a atenção, mas tenho uma dúvida:como a utilizo? Coloco inteira no meu caldo por exemplo... e depois de pronto a desprezo? :(
    Obrigada pela atenção
    Bjs e parabéns de novo
    Andréa

    ResponderExcluir
  5. Oi Andrea, seja bem vinda!!!
    A cebola só serve mesmo pra dar o gostinho, depois ela pode ser desprezada ou, dependendo do caso, ela se desmancha tanto que acaba se incorporando ao molho =)

    ResponderExcluir
  6. Bom dia! Gostei do seu site. Eu conheço essa cebola há mais de 30 anos.
    A maneira tradicional de fazê-la: descascar a cebola, cortar ao meio no sentido do comprimento e prender a folha de louro com dois cravos no corte da cebola. A cebola é desprezada ao final.
    Ela é usada para fazer carne assada na panela, aonde se coloca também algum osso de vaca ou melhor de porco para engrossar o caldo.
    Aprendi com minha sogra suiça.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Rubia Silva03/03/12 12:13

    Juliana , parabens pelo seu blog você faz tudo com tanto carinho que dar para sentir em cada palavrinha que voce escreve ,cada receita maravilhosa , você me ajudou a me redescobrir. OBRIGADA!!!

    ResponderExcluir

Esta e outras receitas você encontra no www.pitadinha.com

Related Posts with Thumbnails